sexta-feira, 19 de junho de 2015

O lixo é tanto que chega a dar nojo!

É abrir o navegador, que jorra pela tela, seja no face, seja no twitter, uma enxurrada de lama fétida! Operação lava jato, que ta mais pra limpa fossa, a cada dia novas descobertas, mais sujeira, mais fedor!
América Latina, (ou será latrina?), contaminada pela revolução cultural de Gramsci, também exala odores pútridos. Da Venezuela nos chegam rumores de perseguições e tortura, de algo que eles chama, de “coletivos”, e que estão a criar também aqui, com o MST do Stédile, transformando-se no Exercito do Lula, armado pela Venezuela e treinado pelas FARC.


Até quando, se é que existe ainda possibilidade de retrocesso nesta queda, teremos que suportar o desvario desta esquerda megalômana, anti democrática, anti cristã e assassina?
Será que nosso povo, tão mais ligado em pão e circo (futebol e bolsa esmola) que na política, vai ainda acordar em tempo de sacudir de seu lombo esse carrapato, que por hora esta firmemente grudado no cangote da pátria brasileira?
Até quando vamos permitir que a sangria criminosa dos recursos públicos, (mensalão, petrolão e sei la mais quantos escandalos), prive nossa população de escola, saúde e segurança decentes? Terá ainda esse pais vergonha na cara?
Me recuso a crer que eu represente uma ínfima minoria, e que talvez somente velhos sexagenários como eu ainda tenham amor por esta terra! Mas, cadê a juventude deste pais? Cadê os caras pintadas? Cadê os que foram as ruas por diretas já? Cadê o meu pais?!
Entristeço-me, mas ainda ouso crer, que nossa gente não perdeu de todo a capacidade de se indignar, e ainda vão, hora dessas, sair as ruas derrubando muros, rasgando caminhos para liberdade e democracia, colocando no devido lugar os que tem, entre nós, cultivado ódios e divisões.

Espero nisso, e tenho fé, acredito no nosso povo!